GABRIEL GONZALEZ VIDELA

Agora no mês de novembro se comemora o nascimento em 22-Nov-1898 de Dom Gabriel Gonzalez Videla (qepd). Dom Gabriel foi Presidente do Chile entre 1948 e 1954. Foi um dos fundadores da Aliança Nacional entre seu partido (Partido Radical), os Democratas e os comunistas (que ele pensava que seriam respeitadores da Democracia). Idealizador de Frente Popular que deu sustentação ao Presidente Pedro Aguirre Cerda (seu antecessor) que o nomeou embaixador em França, Portugal e finalmente no Brasil. A vida deste político ´´Serenense´´(nasceu na cidade de La Serena), casado com Dona Rosa Markmann (mulher valente, como todas as chilenas), está repleta de anseios Socialistas Democráticos, tais como: proibição dos militares entrar na política partidária, Luta contra a tirania Nazista (da qual fugiu na França apresadamente. Fuga na qual sua esposa perdeu um filho por nascer), Resgate dos inimigos de Franco e dos combatentes espanhóis – perdedores da guerra civil – e suas famílias em navios que os transportaram até o Chile – com imunidade – para se salvarem (hoje seus descendentes glorificam o Chile). Aumentou a cooperação com Brasil em matérias primas mais que duplicando a balança comercial. No governo, no aguentou as exigências comunistas para que estatizasse toda a atividade comercial e industrial do pais, assim como não permitiu a intromissão nos assuntos da condução do Estado e os declarou fora do governo e ´´fora da lei´´. Apesar de ser ateu, declarou “fazer pactos com os comunistas é o mesmo que fazer pacto com o diabo”. O Imperialismo Marxista queria instalar una ditadura comunista no Chile. Os Trabalhadores não marxistas Socialistas Democráticos temos NOJO e ÓDIO das ditaduras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *