FLORENCIO HUGO GALLEGUILLOS VERA

Este é o nome do ex-deputado chileno (RIP 22 Fev 2000) que nasceu em 11 janeiro de 1913 na cidade de  Ovalle – Chile.  O mérito deste grande homem público chileno não está somente em ter representado dignamente a seu país em congressos internacionais, senão que ele foi o fundador do PARTIDO SOCIALISTA DEMOCRÁTICO DO CHILE. O deputado Florencio Galleguillos chegou ao convencimento que o Partido Socialista – que ele militava e representava no Parlamento Chileno – era tomado (dominado) pelo forte setor marxista que por ordem do Imperialismo Marxista “impedia” as manifestações democráticas contra as ditaduras totalitárias e os governos filo-marxistas ,em América Latina e principalmente no Chile (o que perdura até hoje). Sua principal recusa do Socialismo Marxista do PS (Partido Socialista), era que  “…já não era viável nem realista pretender tomar o lado do proletariado, porque ja não havia proletariado…”. “Era melhor tomar o lado dos pobres – sem oportunidades – em contra da falta de oportunidades provocadas pelos capitalistas selvagens”. Vaticinou a vitoria da esquerda dominada pelos totalitários (e ajudada por uma Democracia “falluta” ou imperfeita, já que a minoria elegia o presidente, parecido ao que hoje é feito em USA) e a consequente IRA da direita.O que para o contexto político da época constituía uma heresia na opinião da direita e era uma desculpa disfarçada do capitalismo, opinavam os da esquerda totalitária. O insucesso do Partido Socialista Democrático (foi atacado pela direita fascista e pela esquerda marxista) em divulgar sua tese e em constituir-se numa força que ajudasse a colocar o fiel da balança para o lado da Democracia, deu no deu no Chile: um governo de esquerda semi-totalitário irresponsável (demagógico)  de Allende que obrigou aos Trabalhadores a passar FOME e enormes sacrifícios a suas famílias com o consequente golpe militar da direita fascista de Pinochet. A coisa era RUIM e passou para PÉSSIMA. O imperialismo Marxista viu suas diretrizes ser adiadas, para época atual, por isso hoje agem em forma semi “camuflada ,pacífica e lenta, mas inexoravelmente hipócrita e falsa”, para enjaular a todos numa ditadura comunista. Os Trabalhadores no marxistas Socialistas Democráticos temos ÓDIO e ASCO as ditaduras. (Para maiores informações sobre o Partido Socialista Democrático, entre em contato conosco).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *