CHILE IMPERFEITO

Dizem, orgulhosamente os chilenos, que Chile é uma das Democracias mais perfeitas que se podem encontrar. Na verdade, não é bem assim. Chile, se bem ao certo, é uma Democracia como muitas outras, também tem as imperfeições das outras. Quais são? Vejamos. Os juízes da Corte Suprema são eleitos pelo Presidente da República e aprovados pelo Parlamento. Então vemos como há interferência dos Poderes Executivo e Parlamentar no Poder Judicial. Isto está errado, os juízes deveriam eles mesmos escolher os juízes supremos – como os sacerdotes escolhem o Papa. As Forças Armadas têm seus chefes escolhidos pelo Presidente da República. Isto é errado. Elas deveriam ser totalmente independentes do Poder Executivo e deveriam ser o Poder Defensivo da nação. Sua função deveria ser defender o País, suas fronteiras e a Democracia. O país deveria ter cinco poderes totalmente independentes. Executivo, Legislativo, Judiciário, Defensivo e Controlador. Somente assim a Democracia poderia ser autoprotegida do “vírus destruidor e perverso do marxismo”. No campo social o Estado chileno paga as Universidades públicas e os alunos também. Isto é errado. Os Trabalhadores pagam em dobro. A educação pública deveria ser gratuita. Os Trabalhadores não marxistas Socialistas Democráticos sabemos que o Imperialismo Marxista pretende nos meter a todos numa ditadura comunista por toda a vida. Temos ÓDIO e NOJO das ditaduras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *