CONFLITO DE INTERESSES

A recente posse da ex-Presidenta socialista pro-marxista do Chile, Sra. Michelle Bachelet, num cargo da ONU “a convite”, tem apresentado um “conflito de interesses” entre o cargo que ocupa nas Nações Unidas e o dia-a-dia político partidário que ela defende no Chile atual. A iniciativa dela de reunir os políticos que foram seus ministros para “defender” seu legado político no Chile é uma aberta participação nos assuntos políticos do país.  Coisa que não se espera dela. A intervenção de uma funcionária da ONU é apolítica ou melhor dizendo, neutra em assuntos políticos partidários de um país. As duas funções simultaneamente exercidas, são incompatíveis. A funcionaria de alto escalão que convidou ela para esse cargo na ONU não esperava isso ou assim se supõe. Já que não queremos pensar que se trata de algum projeto do Imperialismo Marxista. Os Trabalhadores não marxistas sabemos com certeza absoluta que o Imperialismo Marxista odeia a Democracia a qual tenta destruir – todas formas –  para instalar uma ditadura comunista em todo lugar. Temos ODIO e NOJO das ditaduras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *