MEA CULPA

O Presidente Bolsonaro do Brasil, na entrevista que deu em 28 de fevereiro passado, na reunião que fez com o Presidente Constitucional de Venezuela, Juan Guaidó, ao qual pediu licença para chamar de “Juan”, comunicou que sentia “mea culpa” pelo que está passando na Venezuela. A rigor, não tem culpa nenhuma do que o enganador ditador Maduro está fazendo malvadamente com seu povo. Incentivar o ódio e a raiva pura e simples contra os EEUU é uma clara mostra de estupidez, ainda mais que os EEUU são o principal cliente do seu petróleo. Em todo mundo, repetimos, em todo o mundo se trata com cortesia os clientes. O imbecil ditador Maduro não passa de isso, um imbecil. Voltando ao “mea culpa”, disse que os últimos governos de Lula e Dilma ajudaram a Venezuela e com isso ajudaram Chaves e Maduro, o qual é verdade. Más não devemos esquecer que a primeira ajuda veio do “idiota” de Fernando Henrique Cardoso que cometeu a idiotice de ajudar Chaves na primeira greve da PDVSA, ficando a Venezuela quase desabastecida de gasolina. Cardoso, forneceu gasolina para ajudar. Fato típico dos Social Democratas: AJUDAR SEMPRE QUE PODEM OS MARXISTAS. (E depois recebem uma “patada” naquele lugar, assim foi na Rússia, assim é agora, e assim será sempre). Essa é a grande diferença com nossa posição: JAMAIS AJUDAR OS MARXISTAS, muito pelo contrário, sempre que puder, ANULÁ-LOS. Dessa forma estaremos favorecendo os trabalhadores. Hoje Venezuela está como está por causa de Lula, Dilma e Fernando Henrique Cardoso (a Crazy Hofmann é recente apoiadora marxista). Os trabalhadores NÃO marxistas SOCIALISTAS DEMOCRÁTICOS somos a favor e defendemos a DEMOCRACIA e LIBERDADE e somos contra as TIRANIAS e as DITADURAS, principalmente as marxistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *