PROSUL

Que pensamos nós, os SOCIALISTAS DEMOCRÁTICOS sobre a futura coalizão denominada PROSUL? Esta coalizão criada e liderada pelos governos de direita do continente sul-americano exclui Venezuela por ser uma ditadura de índole socialista-marxista e não vê com bons olhos a participação de representantes de Uruguai e Bolívia por serem governos pro-marxistas. A única coisa que nos faz saudar esta organização é o fato de ser anticomunista, o que em teoria favoreceria à Democracia (somente em teoria). Mais se perde a oportunidade de estabelecer as bases do fortalecimento da Democracia com uma coisa muito simples: os cinco poderes das nações democráticas devem ser total e absolutamente independentes. Uma exigência que não é mencionada. Se respeitar a independência do Poder Executivo, Legislativo, Judiciário, Controlador e Defensivo (FFAA), já é meio caminho andado para o funcionamento e proteção das Democracias como sistema de governo contra o autoritarismo, o populismo e as ditaduras. Como este princípio não é evocado, vemos com vida curta esta nova organização da direita. É pura perda de tempo e o marxismo-comunismo, seguirá muito bem, lutando com regalias injustificadas e imerecidas, pela ditadura contra os trabalhadores livres. Os trabalhadores NÃO marxistas SOCIALISTAS DEMOCRÁTICOS lutamos contra as DITADURAS e a favor das DEMOCRACIAS pela JUSTIÇA SOCIAL.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *