MASSACRE DA PRAÇA DA PAZ CELESTIAL

Há 30 anos, em 4 de junho de 1989, os comunistas da China lançaram seus tanques de guerra e seus sanguinários soldados para matar todos os estudantes que pacificamente pediam mais liberdade e democracia ao governo chinês. Ou seja, usaram o exército contra o povo desarmado e mostraram sua fúria e ódio irracional à Democracia. Mataram entre 1000 e 3000 estudantes e deixaram mais de 10.000 feridos. O governo dos malditos comunistas disse que se tratava de uma rebelião dirigida por bandidos que queriam derrubar o regime. Ela foi sufocada a sangue e fogo. Pouco se soube dos sobreviventes no dia seguinte, pois a imprensa comunista disse (até hoje repete) que se tratou de uma tentativa de depor o regime. O governo chinês, no dia seguinte, ordenou aos pais que levassem seus filhos à polícia para receber o castigo imerecido de ter participado no protesto. Muitos pais com medo das reações do governo, entregaram seus filhos. O secretário de estado de EEUU, no dia de ontem, pediu ao governo chinês que liberte aos dissidentes que foram condenados a mais de 30 anos de cadeia e que ainda estão presos. Os estudantes apenas queriam diálogo com o governo comunista para ter uma imprensa livre e um caminho para a Democracia. Isso demonstra uma vez mais que com os comunistas não existe dialogo. Contra a brutalidade dos tanques comunistas e as balas assassinas não pode haver diálogo. A horrorosa ditadura dos comunistas é pura barbárie em todo e qualquer lugar. Os trabalhadores NÃO marxistas SOCIALISTAS DEMOCRÁTICOS sabemos que o Imperialismo Marxista pretende nos colocar a todos dentro de uma ditadura comunista. Temos nojo e ódio das ditaduras. Amamos a DEMOCRACIA.

PROTESTE CONTRA ESTE MASSACRE. NÃO USE PRODUTOS FABRICADOS NA CHINA COMUNISTA.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *