O POVO NAS RUAS

Na Democracia se permite de forma contundente que as pessoas se manifestem publicamente nas ruas e em qualquer lugar. Em Cuba isto é proibido. Os que protestam vão para cadeia. Cuba é uma ditadura comunista imposta a força ao povo. As manifestações servem para avisar ao governo que o povo deseja mudanças. Isso é um aviso aos governantes e aos Parlamentos (lugar donde realmente devem ser discutidos os problemas a as soluções). As manifestações devem ser pacíficas e elas são eficazes, pois os mandatários que realmente acreditam na Democracia as escutam e tomam as medidas cabíveis. Nessas manifestações pacíficas se infiltram terroristas e bandidos que somente provocam beligerância e destruição. As manifestações dessa forma passam a ser inúteis no seu objetivo, pois somente querem destruição e bandidagem. Não buscam um objetivo civilizado, apenas destruição. Os bandidos pegos pela polícia deveriam ser tratados como terroristas e não como “arruaceiros” ou “desordeiros”. Dez anos de cadeia com trabalhos forçados e a expulsão do país é uma pena adequada. Os comunistas e marxistas em geral estão sempre por trás das manifestações agressivas (que eles proíbem nas suas ditaduras). Os comunistas não dialogam, somente atacam sem se importar se o oposto tem a razão.  Os Trabalhadores não marxistas SOCIALISTAS DEMOCRÁTICOS sabemos que o Imperialismo Marxista pretende nos meter a todos numa ditadura comunista por toda a vida junto com as nossas famílias. Temos ÓDIO e NOJO das Ditaduras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *