VOLTAR ATRÁS

Parece que o comportamento do ex-presidente Lula do Brasil é um comportamento de “volta atrás” ao passado. Passado beligerante, passado de rebeldia, passado de intransigência e de desrespeito às leis. Lula com sua atitude de desafiar a lei que mandou ele ficar na cadeia para cumprir sua pena de corrupção de 12 anos, está dando um péssimo exemplo de alguém que não quer respeitar a lei. Pergunto: como alguém que não respeita a lei quer ser presidente do Brasil?? Todos sabem que Lula é um poço de contradições. Disse que era o homem mais honesto do Brasil. Insinua com isto que os Trabalhadores não são tão honestos. Não entanto, ele está sendo punido – depois de ser julgado – por corrupção. Disse que iria “a pé” se entregar a Curitiba: o que resultou ser numa mentira de ele, já que se entrincheirou no Sindicato. Com isto se comprova que Lula mente. E mente feio. Se acha melhor que todos os demais, sejam brasileiros ou não. Seu narcisismo é pecaminoso. Se gaba de nunca ter lido um livro, coisa que é um péssimo exemplo para os jovens. Quando foi eleito presidente do Brasil por primeira vez, se rodeou de gente aparentemente boa, capacitada e inteligente. Como o tempo mostrou mais tarde, também eram uns corruptos e “cara de paus”. Mostrou que claramente o Lula parecia ser uma boa pessoa e seus defensores e aliados, sem valor ético nenhum que assaltaram os cofres públicos para alimentar seus partidos e seus bolsos. O Lula em lugar de expulsá-los, calou, silenciou. Até Polícia e a Justiça mostrar a podridão política. Aí disse que o seu partido (e seus aliados) estavam praticando a “velha política”. (Fazer algo de bom para justificar o ruim). Por último, obrigou seu partido “particular e privado”, o PT de fazer seu sucessor: a repugnante e incompetente Dilma Rousseff que foi eleita presidenta do Brasil graças ao PMDB, “partido guarida de ladrões”, que esperavam seguir roubando o que podiam e não podiam (e assim o fizeram). A Dilma não tinha nenhuma experiência em política. Até seus aliados, reclamavam que ela não queria atendê-los e que não escutava a ninguém. No período em que Lula e Dilma foram presidentes, a política exterior foi de dois caras. Uma cara de Democracia defendendo a impecável política interna que fizeram no país, respeitando as instituições e brecando os PC para não fazer “expropriações” de empresas privadas. A outra política, foi de total apoio aos países que praticavam o marxismo-comunismo como Cuba ou caminhavam para ele, como Bolívia de Ivo Morales, Argentina da desquiciada Cristina Kirchner, a Venezuela dos perversos pseudomarxistas de Chaves e Maduro, a Nicarágua do infeliz Ortega, o Chile da incompetente Bachelet, etc. Em outras palavras o Lula mostra o de sempre: DUAS CARAS. Uma boa e outra ruim: Dr. Jekill and Mr. Hyde. Os Trabalhadores não marxistas SOCIALISTAS DEMOCRÁTICOS sabemos que o IMPERIALISMO MARXISTA quer nos enjaular a todos numa ditadura comunista. Temos NOJO e ÓDIO das ditaduras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *