PRINCÍPIO DA RECIPROCIDADE

O “princípio universal da reciprocidade” é um princípio muito antigo. Já nos escritos bíblicos se fala do “dente por dente, olho por olho”. Hoje ninguém ousaria defender este princípio na forma como foi escrito nas escrituras antigas. Hoje um delito se paga com cadeia, se necessário (exceto nos países comunistas em que é mandado para a cadeia o culpado e o inocente. Tanto faz). Mas se pensarmos bem, a base deste princípio, o miolo dele, tem um profundo significado de justiça. Por exemplo, eu não falo com alguém que não quer falar comigo. Isto é um princípio de reciprocidade que aplicamos diariamente. Os comunistas não permitem que os democratas participem do sistema político do nosso país (qualquer que seja o país). A pergunta que surge, é: por que os democratas teríamos que permitir a participação dos comunistas na Democracia??? Sabemos que a participação deles é perigosa para a Democracia, pois eles abertamente lutam para destruí-la. Eles praticam, o “quanto pior, melhor”. Só que eles dizem que os demais fazem isso. Talvez deveríamos colocar em pratica o PRINCIPIO DA RECIPROCIDADE e não deixar eles participar do frescor do ar da liberdade total da Democracia. Não estamos insinuando perseguição, apenas não participação (como Alemanha). Talvez podia se colocar a condição: se eles nos deixarem participar, nós também deixamos. Os trabalhadores não marxistas, socialistas democráticos, somos contra as ditaduras (qualquer uma), das quais temos ÓDIO e NOJO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *